Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Ninguém sabia de nada !

MPF aponta sete atos de corrupção e 64 de lavagem de dinheiro cometidos por L---
 
Postado porRoger Pereira 
14 de setembro 2016
 
A denúncia apresentada nesta quarta-feira pelo Ministério Público Federal imputa sete atos de corrupção passiva e 64 de lavagem de dinheiro ao ex-presidente L. I.L. da S.. 
 
Isso porque, além da aquisição e reformas no apartamento tríplex no Guarujá, o ex-presidente foi responsabilizado diretamente por todos os pagamentos de propina feito pela OAS aos ex-diretores da Petrobras Paulo Roberto Costa e Renato Duque e ao ex-gerente da estatal, Pedro Barusco, em três contratos da construtora para obras em refinarias.
 
Defendendo a tese de que L--- era o comandante do Petrolão, o Ministério Público Federal sustenta que “L---  decidiu em última instância e em definitivo acerca da montagem do esquema e se beneficiou de seus frutos: governabilidade assentada em bases espúrias; fortalecimento de seu partido – PT –, pela formação de uma reserva monetária ilícita para abastecer futuras campanhas, consolidando um projeto, também ilícito, de perpetuação no poder; enriquecimento com valores oriundos de crimes”.
 
Segundo a denúncia, todas essas vantagens indevidas estiveram ligadas ao desvio de recursos públicos e ao pagamento de propina a agentes públicos e políticos, agremiações partidárias, e operadores financeiros. Assim, sustenta o MPF L--- foi o mentor e o grande beneficiário do esquema de propinas na Petrobras.
 
Já as acusações por lavagem de dinheiro são relacionadas à aquisição, reforma e mobília do apartamento tríplex no Guarujá, bancadas pela OAS, bem como ao pagamento de uma transportadora para o transporte e armazenamento de bens recolhidos por L--- do Palácio Alvorada depois que concluiu seu mandato.
 
Na denúncia, o MPF arrola 27 testemunhas, principalmente delatores da Lava Jato, como os ex-dirigentes da Petrobras Renato Duque, Pedro Barusco, Paulo Roberto Costa e Nesto Cerveró, o doleiro Alberto Yousseff, os ex-executivos da Camargo Corrêa Dalton Avancini e Eduardo Leite e os ex-parlamentares Delcídio Amaral e Pedro Corrêa.
 
O MPF pede, ainda, que seja dada prioridade à denúncia não só por contar com réus presos (Léo Pinheiro, condenado em outro processo), mas, também por respeito ao Estatuto do Idoso, que prevê prioridade a processos envolvendo pessoas com mais de 60 anos.
 
 
De acordo com o que ele mesmo diz em seus trololós:
 
 
ELE NUNCA SOUBE DE NADA DO QUE ACONTECIA NO SEU GOVERNO
 
MAS SOUBE DE TUDO O QUE ACONTECIA NO GOVERNO DOS OUTROS!
 
 
Aliás, onde estavam as pessoas na época em que o antecessor de Dilma ocupava todos os jornais como se fosse um ídolo?  Talvez fosse um ídolo, mas o ídolo da safadeza!  Se acompanhassem tudo o que ocorria, ninguém ficaria surpreso, como todos parecem ter ficado !
 
 O FATO EM SI NÃO É NOVIDADE, NOVIDADE É ELE TER SIDO ACUSADO E ESTAR COM OS PÉS NA CADEIA, COMO JÁ ESPERAMOS QUE ACONTEÇA.
 
QUEREMOS APENAS QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA,
COMO É ESPERADO !