Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

domingo, 9 de abril de 2017

Bendito assédio!

 
Nunca a figurinista, que contou o assédio de José Mayer, viu seu nome sair em todos os jornais e revistas como agora. Bendito assédio!

 
Verdade que  José Mayer  foi desagradável e teve um comportamento torpe, de péssimo gosto.   Mas esse seria um caso isolado, que não precisaria virar página até de revista. Não deveria ser um assunto  tão explorado por todos, inclusive por mim.
 
 
Agora é a vez tão esperada pelas mulheres para irem contra um homem, embora não reajam nunca diante de outras patifarias existentes.  
  
 
Conheço vários homens, meus amigos, que já comentam há muito tempo que passaram a ter medo até de se sentarem em ao lado de uma mulher, pois ela poderia o acusar (injustamente) de assédio, pois  esse virou um tipo de modismo. 
 
 
Dizem as feministas que as mulheres são iguais aos homens, embora sua enorme diferença seja tão evidente.  Se elas querem ser tratadas da mesma forma, caberia, então, a todas elas passarem a mão na bunda masculina, se já não o fazem.  Garanto que eles não consideram esse fato um assédio sexual nem o tornam motivo para tanto desespero
 
 
Basta a uma mulher reagir e pronto.
 
 
N.B.: Já vi um homem partir para cima de mim. No dia seguinte, conversamos sobre o  assunto na minha casa, onde eu morava sozinha.  Chegamos a um acordo pacífico.