Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Você é confiável ?


"Pode-se não confiar em um estranho à primeira vista, mesmo que este não tenha dado nenhuma razão que macule sua imagem.  É natural essa atitude de desconfiança do ser humano, é o instinto de preservação agindo, mas assim que se tem uma visão das atitudes e pensamentos do outro, a coisa pode mudar."
 
 
 "Em muitos casos a ocasião faz o ladrão". 
 ?
 
 
CONHECE A FÁBULA DA COBRA ? É uma fábula que fala sobre o caráter das pessoas, que, dizem, se forma até os sete anos de idade. Tanto a honestidade quanto a confiança que alguém merece depende do seu caráter .
 
Alguns acreditam que a  honestidade e a confiabilidade dependem da situação, do ambiente e de quem esteja envolvido. Vai depender da capacidade que tem o indivíduo de se ver envolvido pelo  comportamento de quem está à sua volta.  Vai depender, portanto, de ser ele mais ou menos MALEÁVEL.
 
 
Existem também  aqueles que não dão importância à honestidade, desde que seus interesses estejam garantidos.
 
 
que você merece
 

"1. Você encontra uma bolsa que foi esquecida em um ônibus. Ninguém a reclama, o ônibus segue e outra pessoa que quer se sentar diz: "Pode pegar sua bolsa para que eu me sente?" O que você faria?__

(a) Pegaria a bolsa sem dizer nada, como se fosse sua.
(b) Diria que a bolsa não lhe pertence e procuraria entre os passageiros pelo dono.
(c) Entregaria ao motorista do ônibus, mesmo sabendo que ele poderá ficar com a bolsa para ele.
 

2. Você sai do supermercado e percebe que o caixa lhe deu troco a mais, o que faz:

(a) Segue para casa e conta para a família que hoje é seu dia de sorte.
(b) Volta e devolve o dinheiro.
(c) Devolve só parte do dinheiro e fica com o resto.
 

3. Em seu trabalho, sem querer, quebra ou causa dano a um equipamento. Ninguém viu o acontecido, o que você faz:

(a) Sai rapidamente de perto do equipamento, deixando para que outro descubra a quebra.
(b) Avisa imediatamente as pessoas ao redor que encontrou o equipamento com defeito, mesmo antes de tocar nele, abstendo-se do erro.
(c) Imediatamente interdita o equipamento e segue para avisar seu superior do ocorrido.
 

4. Você está inscrito em um concurso público, na entrada alguém lhe oferece o gabarito por uma bagatela em dinheiro, o que você faz:

(a) Ignora a oferta e segue para o local da prova sem dizer nada a ninguém, mesmo sabendo que outras pessoas podem ter comprado o gabarito.
(b) Compra o gabarito, afinal vê que muitos fizeram o mesmo e que sem ele estaria em desvantagem na prova.
(c) Não compraria e avisaria os responsáveis que alguém está vendendo o gabarito no local.
Se você pensou e escolheu sem vacilar todas as respostas que o descreveria como uma pessoa completamente honesta, seu resultado deve ser: C / B / C / C
 

Você teve alguma dúvida e pensou que caso fosse completamente honesto, outras pessoas poderiam não ser?
 
 
 *****
 
 
Informações e alguns trechos retirados de um artigo escrito por Beth Proenca Bonilha, que termina o que escreveu com um apelo "Nos ajude a divulgar a mensagem..."  e pode ser lido por completo no site  https://familia.com.br/9407/4-questoes-para-descobrir-se-voce-e-uma-pessoa-confiavel
 
 
 
Beth Proenca Bonilha é graduada em Administração de Empresas com MBA em Empreendedorismo. É casada, tem  6 filhos e é avó de 2 netos. Atua profissionalmente como Analista Instrutora da Educação Empreendedora no SEBRAE - SP. Como hobby gosta de artesanato, música e leitura
 
 
 
N.B.:  Fiquei apavorada com uma pesquisa que foi feita há anos atrás. Na citada pesquisa, 74% das pessoas disse que faria o mesmo que fazem nossos parlamentares caso estivessem no lugar deles.  Espero que, depois de tantos escândalos (inclusive remédios jogados no lixo!) pensem de outra forma.
 
 
Quem não passou no teste de honestidade deve avaliar seu comportamento e parar de criticar a atitude dos outros, porque quem é desonesto não tem condições de criticar a desonestidade de terceiros. 
 

 
Mudar é possível, basta ter o desejo.  ... 
 "Honestidade não se promete, se pratica!"

 
Ajude a mudar o mundo em que vive.
Deixe se sentir um E.T.