Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

domingo, 31 de maio de 2015

O mesmo Partido de Trapaceiros de sempre

 
TIRO NO PRÓPRIO PÉ - São muitos os crimes e as patifarias cometidas por um partido que sempre se autodenominou como sendo um partido do bem e provou, mais uma vez, que nunca passou de um partido do mal.  Repleto de gente mau-caráter.
 
No entanto,  podemos comprovar que o PT está dentro do último modismo, que é a facada,  pois sempre se deu ao trabalho de esfaquear os tratalhadores, em troca de seus votos.
 
 
 
Primeira-fantasma  (O Antagonista)


Carolina de Oliveira Pereira, primeira-dama de Minas Gerais, conheceu Fernando Pimentel em 2011, quando trabalhou como sua assessora no Ministério do Desenvolvimento.
 
Depois disso, segundo a Folha de S. Paulo, "atuou na Pepper, empresa que trabalha para o PT, com ênfase em guerrilha virtual".
 
Nos primeiros tempos do romance, Benedito Rodrigues de Oliveira Neto, preso ontem na Operação Acrônimo, "ajudava o casal a resolver problemas, cedia imóveis e até sua aeronave".
 
Ele ajudou também a montar a empresa da primeira-dama, a Oli, que foi contratada pelo PT para prestar serviços de assessoria de imprensa.
 
De acordo com o Ministério Público, a Oli "seria uma empresa fantasma, possivelmente utilizada para os fins da ORCRIM (organização criminosa) com a conivência de sua proprietária Carolina de Oliveira Pereira".

A Polícia Federal descobre um esquema milionário operado por amigo do governador de Minas Gerais. O Ministério Público acusa a mulher de Pimentel de conivência com os desvios - FILIPE COUTINHO  - http://epoca.globo.com/tempo/noticia/2015/05/turma-do-homem-forte-de-pimentel-tinha-ate-contrato-com-lobista-erenice-guerra.html