Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Ser petista se tornou um pesadelo?

professor_luizinho_11
FONTE: UCHO.INFO
 
 Ex-líder do governo do ex-presidente , o mensaleiro Professor Luizinho é o rerato de um partido decvadente.
 

Fingindo de morto – Atolado em um vasto pântano de corrupção e desmoronando a cada dia, o Partido dos Trabalhadores tenta a muito custo ressurgir das cinzas, mas alguns “companheiros” já admitiram que a missão tornou-se impossível depois do escândalo do Petrolão. A esperança do partido era a figura de L---, que cada vez mais se aproxima do olho do furacão em que se transformou a operação criminosa que derreteu os cofres da Petrobras.
 
Alguns petistas conscientes reconheceram, em conversa com o editor do UCHO.INFO, que o partido errou a mão ao autorizar e participar do Petrolão, mas mesmo assim a cúpula da legenda agendou para o mês de junho (11 a 13) um congresso que reunirá, em Salvador, o que restou da legenda.
 
Não bastasse a sequência de escândalos de corrupção, que alcançou o ápice com a roubalheira interrompida pela Operação Lava-Jato, o PT conseguiu a proeza de arruinar a economia, a ponto de o trabalhador ter voltado ao tempo em que o salário acabava e o mês continuava em impiedosa sua trilha. Isso significa que a derradeira tábua de salvação do PT, o povo, já não mais suporta ouvir falar do PT e suas traquinagens.
 
A situação do PT em termos de rejeição popular é tamanha, que muitos filiados fazem qualquer coisa para não serem identificados como “companheiros”. Se o plenário do Congresso Nacional os petistas não mais exibem na lapela do paletó o broche do partido, nas ruas muito menos.
 
Na última terça-feira (12), às 6h30, no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, o ex-deputado federal Professor Luizinho embarcou para Brasília na condição de reles mortal, comportamento oposto ao do primeiro governo do agora lobista de empreiteira Lula. Na verdade, Luizinho fez muito esforço para não ser reconhecido na fila do embarque, permanecendo a maior parte do tempo de cabeça baixa.
 
Nesta sexta-feira (19), na capital dos brasileiros, lá estava o Professor Luizinho, no Aeroporto Juscelino Kubitschek, embarcando de volta à Pauliceia Desvairada. Repetindo o comportamento que marcou a viagem de ida, Luizinho permaneceu a maior parte do tempo cabisbaixo e sem qualquer sinal aparente de que é filiado ao Partido dos Trabalhadores.
 
Aqueles que têm doses extras de memória hão de se lembrar do envolvimento de Luiz Carlos da Silva, o Professor Luizinho, no Mensalão do PT. O ex-deputado petista era líder do governo na Câmara quando veio à tona o escândalo de corrupção, tendo recebido R$ 20 mil do chamado “Valerioduto”. No julgamento da Ação Penal 470, no Supremo Tribunal Federal, o petista foi absolvido da acusação de lavagem de dinheiro.
 
À época dos fatos, com o apoio da “companheirada”, Luizinho escapou da cassação, mas não foi perdoado pelos eleitores. Em 2006 tentou a reeleição, mas fracassou nas urnas. Na sequência foi derrotado em sua campanha a vereador em Santo André, rica e importante cidade do ABC paulista. Atualmente, Luizinho trabalha como consultor empresarial, com negócios na área de eucalipto e agropecuária na Bahia.
 
O mensaleiro, hoje mais magro e sem a barba da esquerda tupiniquim, abriu uma empresa de reflorestamento em Vitória da Conquista. Considerando os novos segmentos de atuação do Professor Luizinho, Brasília não é o destino mais apropriado. Enfim…
 
 
*****
 
 

Padilha é hostilizado durante almoço em São Paulo  O ex-ministro da Saúde foi surpreendido por manifestante que criticou o programa 'Mais Médicos'. -  https://www.youtube.com/watch?v=8HSxNjzXUYUSem contar com diversos deputados petistas  que reclamam das vaias que têm recebido e outros constrangimentos impostos aos petistas. Hoje a arrogância de alguns foi trocada pela vergonha de pertencer ao pior partido que já tivemos.
 
 
 
Especial homenagem ao MENSALÃO