Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

sábado, 22 de agosto de 2015

PARA NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DE ...

... POLÍTICA -    Artigo de  Arnal Bloch   http://oglobo.globo.com/cultura/pra-nao-dizer-que-nao-falei-de-politica-17268792#ixzz3jXfTg5VG



Enquanto uns falam de flores
(https://www.youtube.com/watch?v=6oGlRrJLiiY) outros falam de política.  Depende do que vai nas suas cabeças (como na minha) e depende, em alguns casos, de quem se quer agradar naquele momento. 
 
 
 
"... SOMOS TODOS IGUAIS"
segundo a música de Geraldo Vandré
e segundo nossas Constituição
 


Claro que Geraldo Vandré pode ter errado (será que nossa Constituição errou também?)  Afinal, como pensam e agem os político, eles são bem diferentes dos outros mortais, que lhes pagam salários gordos. Afinal, nem todos nós temos uma barriga grande, nem essa gentalha de Brasília é igual a nós, apenas comem fartamente em nossas mãos e retiram de nossos pratos.  (Nota: Já cansei de ouvir outros brasileiros dizerem imoralmene que se fossem políticos fariam a mesma coisa, talvez por isso eles roubam tão à vontade... dos brasileiros).
 
   

Trecho do artigo 'Pra não dizer que não falei de política '. "No dia seguinte às declarações de Fernando Henrique sobre Dilma e da confirmação das denúncias contra o diabo-mor da nação (Eduardo Cunha), fui almoçar com uma grande amiga. Assim que me sentei à mesa, ela me olhou com os óculos graves e perguntou:  — E aí, Arnaldo? Para onde vai este país? 

... "
 
Outro trecho da música de Geraldo Vandré
"QUEM SABE FAZ A HORA, NÃO ESPERA ACONTECER"
Nossa hora não terá chegado?
Ou vamos esperar acontecer o que ainda não aconteceu?
 

 
A sociedade tem um poder que desconhece ou finge desconhecer.
  Mas é preciso que todos se reúnam para mostrar a sua vontade,
já que ela não é respeitada. 
Não basta apenas um fazer algo.
Precisamso nos unir, independente de vontade política
e  mostrar que eles é que estão em nossas mãos.