Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

sábado, 14 de março de 2015

Bolsa Manifesto

  
Texto baseado num artigo escrito por
Eduardo Gonçalves
  


Nem mesmo uma ''bolsa manifesto'' conseguiu salvar nossa  presidentA, depois que ela mostrou a incompetência petista
para dirigir um país que precisa
de gente capaz e não de aproveitadores.
 
 
 
Na intenção de sair em defesa de quem inundou de lama a Petrobrás e, consequentemente, o nosso país, a CUT e o MST reuniram muito menos pessoas (12.000) do que prometeram enviar às ruas (100.000) .
 

VALE-PROTESTO
Integrantes da CUT distribuem camisetas para quem compareceu ao ato pró-Dilma(Eduardo Gonçalves/VEJA.com) - 
Transporte gratuito, distribuição de marmita, camiseta e boné,
além de um "vale" que variou de 35 reais a 50 reais,
este foi o preço da “fidelidade” dos pelegos para participar da passeata.
A CUT age da mesma forma que o Mensalão e o Petrolão
compra o apoio dos “aliados”.

Mesmo distribuindo um  "kit protesto", a Central Única dos Trabalhadores (CUT), e o Movimento dos Trabalhadores (MST) tiveram a capacidade de atrair  petistas para o ato desta sexta-feira na Avenida Paulista, em São Paulo.  O principal objetivo dessa manifestação/passeata seria dar apoio à presidentA  Dilma Rousseff, para demonstrar que nem todos gostariam de seu afastamento, como veremos amanhã, domingo, DIA 15 DE MARÇO.    
 
Segundo informações da Polícia Militar, a marcha teria reunido 12 000 pessoas, bem menos que os 100.000 prometidos porque a marcha teria reunidos  os partidipantes com  professores da rede estadual que estavam no MASP para pedir  o início de uma greve.  "Como a Apeoesp (sindicato da categoria) é ligada ao PT, muitos professores se juntaram ao grupo. Mas a adesão não foi unânime: a presidente da Apeoesp, Izabel Noronha, conhecida como Bebel no meio sindical, foi vaiada pelos professores ao discursar em defesa da presidente Dilma Rousseff."

Ideologia?
Os grupos que organizaram o ato ontem ocorrido tentaram confundir as pessoas menos informadas de que estariam ali para defender uma Petrobrás e uma suposta reforma política.  Aliás há muitos anos se fala em reforma política sem que nada ocorra. 
 
Alguns integrantes da marcha foram irrisoriamente pagos para elogiar Dilma, enquanto outros nem sabiam o que estavam fazendo ali, a não ser que embolsariam  uns trocados.


 "... há apenas três meses no Brasil, o africano Muhamed Dukurek, de 44 anos, aceitou vestir a camiseta da CUT e carregar um dos balões da central sindical pelo dinheiro. "Disseram que eu ia receber um pagamento de 40 reais a 50 reais", afirmou ao site de VEJA. Falando poucas palavras em português, ele disse que um ônibus foi buscá-lo em sua casa no bairro do Brás, pela manhã. Foi liberado às 17 horas do trabalho na Paulista quando a CUT recolheu os balões." - Eduardo Gonçalves
 
 
 VAMOS PARA A RUA AMANHÃ,
15 DE MARÇO