Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

UMA PÁGINA PODE SER VIRADA, MAS UM CRIME NÃO SERÁ APAGADO!

 
Para  o inocente  Planalto/Dilma Rousseff/PT/criador-criatura, que nunca sabe de nada, muito menos de Economia (se assim não fosse, nossa PresidentA não teria levado à falência uma lojinha com artigos de R$ 1,99), o infeliz pagamento das dívidas contraídas antes, transformaram o impeachment numa página virada .
 
Como não sou economista, nem tenho nenhuma obrigação de salvar o país da falência, a não ser  pagar os impostos exorbitantes que me são empurrados goela abaixo, dou apenas uma sugestão quanto à viração de páginas.
 
É preciso ter muito cuidado ao virar  páginas, porque não sabemos o que vamos encontrar embaixo.   Já imaginaram que coisa horrível virarmos uma página e vermos em seguida um rasgão nos papéis de algumas páginas seguintes que não nos permitirão ler  tudo o que estava ali antes, principalmente, se fossem trechos que gostaríamos muito de ler ? 
 
 
Além do enorme risco que Dilma está correndo, junto com o seu partido, e NOSSO  país,  existe mais um grande problema:  todos os CRIMES já cometidos não serão apagados do nosso passado, seja o que for que seja feito a partir de agora.     Por exemplo, um assassino tira a vida de outra pessoa.  Ele pode até se 'filiar' a alguma Igreja ou seita e ser perdoado pelo que fez, mas a vida que ele tirou, não ressurgirá das cinzas.  Do mesmo jeito será cometer o grave crime de pedaladas fiscais, que pode ser sanado com o atual pagamento, mas o crime de pedalada fiscal foi cometido e jamais será apagado.
 
Existe apenas uma forma de acabar com a discussão se as pedaladas fiscais que foram cometidas pela nossa PresidentA são um crime ou não, são aceitáveis ou não.  É fazer com o governo o mesmo que ela faz e ver como o governo vai reagir a tal situação.  Pena não saber como cometer uma pedadalada, porque do contrário já o teria feito!
 
 
Por falar nisso, alguém já tentou não pagar o Imposto de Renda
ou algum outro imposto ?