Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

domingo, 21 de dezembro de 2014

Sem ouvir nem ler

 
NÃO PERGUNTE AOS "MILITARES" NEM AOS "PETISTAS".
 
Recebido por email de um grande amigo que é militar da reserva.
No aniversário de 50 anos do início do regime militar, estamos recebendo uma propaganda maciça pela TV sobre as atrocidades que teriam sido cometidas pela ditadura militar. Existiu guerrilha e excessos, SIM, de ambos lados.
Quer saber como foi a ditadura militar, de verdade? É simples!!!
Não leia livros a favor ou contra. Um professor meu costumava dizer que "o papel aceita tudo, haja vista o papel higiênico".
 Não ouça os políticos do PT. Eles eram os inimigos dos militares e dificilmente diriam a verdade; aliás, temos visto o PT mentindo muito, sobre o mensalão, dinheiro na cueca e outras.
 Não ouça também os MILITARES. Eles normalmente não mentem, mas poderiam calar para se proteger.
Esqueça os locutores de noticiários. Eles são pagos para dizer o que os outros querem que você escute.
 Mas então como vamos saber a verdade???
Eu disse que é simples: Pergunte ao vovô e à vovó! Isso mesmo, pergunte às pessoas com mais de 65 ou 70 anos!
 Pergunte a eles como foi a época da ditadura militar.
Pergunte se eles alguma vez sentiram que não tinham liberdade. Pergunte se podiam ir aonde quisessem.
Pergunte se eles tinham segurança, se podiam sair à noite (e de dia), sentar na praça, sem medo de assaltos.
Pergunte se tinham medo de um assalto à mão armada em suas casas.
Pergunte se alguma pessoa correta/honesta/trabalhadora foi presa pelo DOPS. As pessoas de bem nada tinham a temer.
Pergunte se havia bandido famoso (nas ruas, nos presídios ou em palácios governamentais). Se presidiários com tornozeleiras andavam soltos assaltando, matando, estuprando?
Pergunte se algum Presidente (Militar) ou algum familiar enriqueceu rápida e surpreendentemente.
Pergunte se a esquerda, que sempre vasculhou os arquivos daquela época, descobriu atos de corrupção, roubalheira, superfaturamento de obras ou outras bandidagens.
Pergunte se o Governo Militar desviava dinheiro público (saúde, educação, etc) para financiar obras em sangrentas ditaduras de esquerda, como em Cuba e Venezuela e Bolívia
Pergunte como eram as escolas de ensino fundamental e médio. As escolas públicas eram as melhores, mais concorridas e havia equidade de oportunidades.
Você vai descobrir a verdade real. Não o que uma suposta comissão da verdade composta exclusivamente por simpatizantes de esquerda vai tentar colocar na cabeça dos jovens.
PERGUNTE SE  HAVIA "Sou DIMENOR, NÃO TOQUE EM MIM", assaltando e assassinando inocentes desarmados.
Para que você possa descobrir a verdade,
só lhe digo que tenho mais de 75 anos e aquela foi a melhor época de minha vida.
Se você descobrir uma verdade diferente da que passam na TV,
não deixe de repassar a todos que puder.
*****
 
Quando criança, ouvia uns falarem maravilhas sobre o Getúlio Vargas, enquanto outros falavam mal.  Ainda não sabia que as pessoas têm ideias diferentes,  principalmente dependendo de suas necessidades e ficava atordoada com o que todos diziam.   Foi então que virei um rato de biblioteca.
Passei a ler livros sobre Getúlio, que faziam a mesma coisa: uns falavam bem e outros mal.  Até que ... surgiu um livro sem críticas ou elogios, só com fatos.  Graças a esse livro tirei MINHAS conclusões .