Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Hombre, pero no mucho


As coisas mudaram

 
Dizem que os homens deixaram sua vaidade explodir,  trocando o que antes era visto como vaidade masculina, por cosméticos.  Chegaram ao ponto de fazer o que não faziam antes e até usar o que não usavam.
 
Mas não foi apenas no ramos da 'belezologia'  que os homens se igualaram às mulheres.  Na acomodação também.  Conheço dois homens, por  exemplo, todos os dois já com  trinta anos de idade, que nunca trabalharam e vivem às custas de seus pais, sem a menor intenção de trabalharem um dia .  Um deles se diz "estudante profissional", como se essa profissão existisse, vivendo às voltas com livros e viagens.  O outro... bem... o outro não trabalha nem estuda, não fazendo absolutamente nadica de nada.
 
Como as mulheres vivem clamando por uma igualdade que sempre foi inexistente, talvez parem de gritar, ao menos, por essa exigência.
 
 
 
 Começo a pensar que não está havendo uma igualdade,
como dirão muitos,
mas de uma verdadeira inversão de valores.
 
 
IGUALDADE?  POIS ELA VEM ÁI !
OU JÁ VEIO?