Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Um bom professor

 
Visto como "guru' (por quem precisa de um), o  criador do PT-Partido da Trapaça ensinou  que não existe nada melhor do que mentir. Mas que todos mintam com muita convicção,  nem que seja uma convicção ilusória, aos gritos, no tipo  ''tapeia bobos ''. 

 
Saber mentir ou enganar trouxas é uma arte.  É a arte que  faz os tolos acreditarem em tudo,  até que o  verde é vermelho, ou que o um (1) é  mil (1000), numericamente falando.
 

Depois de ficar compravado que UM MELIANTE PRECISA MENTIR SEMPRE, NEGAR se tornou quase uma obrigação.  Acusados de alguma coisa sempre NEGAM que o fato apontado tenha acontecido, mesmo que o fato pulule à nossa frente.  O pior é a sensação que os mentirosos nos passam de estarem nos chamando de imbecis, embora não seja exatamente o que pretendem, pois o seu desejo é apenas livrarem suas caras sujas das acusações que lhes são feitas.
 
Um exemplo disso foi o marketeiro João Santana dizer que "trabalhou de graça para o governo do PT", e que o fez por simples questão de prazer.  

 
Sem contar essa mania de dizer 'EU NÃO SABIA" que já se tornou cansativa de tão utilizada por diversos meliantes.