Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

sábado, 2 de janeiro de 2016

"MENTIRA TEM PERNA CURTA"


 
Esse modo de dar de ombros a cada nova revelação desabonadora ligando L--- ao maior escândalo da história do país virou hábito. Na semana passada, houve um novíssimo desmentido, também embalado por evidências incontornáveis."



 
Última edição da revista Veja   (Robson Bonin e Pieter Zalis):

"O ex-presidente L--- é conhecido pela capacidade retórica de vergar a realidade ao sabor de seus interesses. Quando ainda estava no Planalto, essa habilidade fez dele um líder popular. Hoje, a capacidade do petista de retorcer os fatos parece cada vez mais reduzida. Com frequência, L--- tem sido cabalmente desmentido por eles. Recentemente, para ficar em um exemplo, o ex-presidente ensaiou dizer que não era tão amigo assim do pecuarista José Carlos Bumlai, preso na Operação Lava-Jato por intermediar tenebrosas transações com personagens do petrolão em nome do próprio L--- e do PT (Partido da Trapaça). Bastaram algumas fotos encontradas entre os arquivos apreendidos com Bumlai para que a tentativa do petista de se descolar do amigo ruísse: as imagens mostravam que o pecuarista, homem de livre acesso ao gabinete mais importante da República durante o governo L---, desfrutava a intimidade da família do ex-presidente. "

Artigo completo: 
 
No reino da perna curta


Estaria a revista VEJA voltando a ser como era antes, embora aos poucos? 
Estaria com medo? 
Foi, de alguma forma, intimidada a não continuar com seu "estilo" ?
Ou ela nunca deixou de ter o mesmo 'estilo' que tinha antes ?
 
 
 



 
 
 
 
 
 
 .