Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Minha Casa, Minha Vida ...SOFRIDA

 
Conjuntos habitacionais sempre houve, como é o caso de um  conjunto, construído na Penha,  nos longínquos anos 40, pelo presidente Getúlio Vargas.
 
 
Muito espertamente, o Partido da Trapaça tomou como sua a criação de um conjunto destinado aos trabalhadores, o que já existia, mudando-lhe o nome  e provavelmente as 'normas' , com o objetivo de se apoderar de tal idéia.
 
 
É só passar por algum antigo conjunto habitacional que dá para perceber a enorme diferença existente entre elas e essas casas ou prédios que mal se sustentam e se quebram sem nem mesmo precisar da ajuda de algum tufão.
 
 

 
 
 
Soubemos, por exemplo,  de casas construídas em cima de um lixão indo abaixo.  Casos, assim, como esse é natural que aconteça, pois a segurança do indivíduo não conta.  O que conta é poder enganá-lo e angariar seu voto.
 
 
Houve uma vez, naquela época em que o antecessor de Dilma fazia de tudo para apresentá-la e elegê-la, em que ''inauguraram'' um desses conjuntos habitacionais inacabados.  A desculpa do então presidente, à frente de quem recebia as chaves era de  que não haviam colocado azulejos nas cozinhas e banheiros porque  muitos não gostariam do que poderia ser encontrado e retirariam tudo para colocar outros, mais de acordo com suas vontades.  Eles, muito sabiamente, entregaram as casas do jeito que estavam.  As pessoas certamente estão agradecidas até hoje.