Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Crenças e desavenças

 
Segundo fontes policiais, os autores do ataque portavam rifles Kalashnikov e gritaram
 "Vingamos o Profeta!", em referência a Maomé,
 alvo de uma charge publicada há alguns anos pelo jornal,
o que provocou revolta no mundo muçulmano.
 
 



A falsidade, depois que se espalhou pelo mundo afora, se tornou uma verdadeira propaganda, pois serviu para aumentar a vendagem  de um jornal francês.  Tudo foi ocasionado por um ataque terrorista - uma propaganda grátis para os donos do jornal, mas pago com a vida de quem morreu. 
 
O 'cho-ro-rô' mundial não serviu para dar vida a quem a perdeu, embora ninguém chore por milhares de mortos, diariamente no mundo inteiro e por diversos motivos.
 
O Papa Francisco, que também é um líder religioso, resolveu dizer o que achava sobre o assunto.  Segundo ele, não é correto que se cometa um ato terrorista, mas também não são corretos insultos ou deboches contra as crenças alheias.
 
 
Quanto às crenças, sejam religiosas ou não, pertencem apenas às pessoas devidamente manipuladas. 
 
 
Conselho que o a vida nos dá:
 

Bom é acreditar apenas em si mesmo,
e não crer em mais nada.
 
 
Je suis Jurema Cappellettli.