Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Urnas



Nos países de alta tecnologias não se usa o tipo de apuração eletrônica devido a análise de profissionais muito qualificados em engenharia de computação, informática e outros, que o qualificam como um sistema altamente vulnerável, manipulável e passível de fraudes.
 
Aqui no Brasil, alguns Engenheiros de Computação também deram pareceres negativos quanto  à segurança desse sistema, demonstrando suas falhas,  facilidades e vulnerabilidades.
 
Essas informações circularam antes da eleição de 2014.  
 
O que me parece coincidência criminosa e isenta de credibilidade foi a presidanta indicar o Sr. Dias Tófollis, parceiro do PT, a assumir a presidência do TSE, e mais, não se salvou ou guardou cópias das apurações para que, se houvesse qualquer dúvidas, tinham-se  possibilidades de recontagem, apurações e auditorias.
 
Nos sistemas de votação por células, nos países sérios, existem recontagens e auditorias para se consumar ou não a legitimidade das apurações e a eleição. Alguns países da América Latina, entre eles a Venezuela, fez um apoio logístico em programas de informática que participaram no bojo do sistema de apuração brasileiro.
 
A auditoria do Ministério Público vem a corroborar com as possibilidades de possíveis fraudes.
 
 
 (ainda não descobri o nome do autor desse artigo)