Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos, porque a história de nossos políticos pode causar deficiência moral irreversível.
Este espaço se resume
, principalmente, à vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem
punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que
engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida
pública.


OPINIÕES PESSOAIS

domingo, 11 de outubro de 2015

Delação explosiva - AGORA VAI .... !

 
CASO NÃO VÁ AGORA, ESTÁ CADA VEZ MAIS PERTO
 
Baiano diz que pagou contas do filho de Lula




 Lauro Jardim

 
Fernando Soares, o operador do PMDB conhecido como Baiano, afirmou em delação premiada que pagou despesas pessoais no valor de R$ 2 milhões de Fábio Luís L--- da Silva, o Lulinha, filho mais velho do ex-presidente L--- , revela Lauro Jardim, em sua coluna de estreia no GLOBO.

O ministro do STF Teori Zavascki homologou na sexta-feira passada a delação de Baiano, que está preso em Curitiba. Outro alvo da Operação Lava-Jato, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, aparece em documentos enviados pelo Ministério Público da Suíça às autoridades brasileiras como beneficiário final de uma nova conta secreta, desta vez no banco BSI, que desde julho é controlado pelo brasileiro BTG Pactual.

Cunha já é acusado de ter outras quatro contas em bancos suíços. Está destinada a causar um estrondoso tumulto a delação premiada de Fernando Baiano, cuja homologação foi feita na sexta-feira pelo ministro Teori Zavascki. O operador (de parte) do PMDB na Petrobras pôs no olho do furacão nada menos do que Fábio Luís L--- da Silva, o Lulinha. Baiano contou que pagou despesas pessoais do primogênito de L--- no valor de cerca de R$ 2 milhões.

Ao contrário dos demais delatores, que foram soltos logo após a homologação das delações, Baiano ainda fica preso até 18 de novembro, quando completa um ano encarcerado. Voltará a morar em sua cobertura de 800 metros quadrados na Barra da Tijuca. A propósito, quem teve acesso à delação conta que Eduardo Cunha é, sim, citado por Baiano. O operador admite ter relações com o presidente da Câmara, mas não entrega nada arrasador contra Cunha.
 
 
É possível uma pessoa trabalhar em um Jardim Zoológioco e, 'derrepentemente' se tornar um grande ricaço,  sem ganhar na Megasena  ? - https://pt.wikipedia.org/wiki/F%C3%A1bio_Lu%C3%ADs_Lula_da_Silva
 
A SAFADEZA TAMBÉM NÃO SERÁ ETERNA!